Especial Transporte em Campinas 1 | Por que as obras do BRT estão (muito) atrasadas?

·

·

·

Tags:

Na primeira série de reportagens sobre o transporte coletivo urbano de Campinas, o ODC mostra a atual realidade das obras do sistema BRT, que está levando um grande transtorno aos moradores das regiões do Campo Grande e do Ouro Verde.

A obra está atrasada, sim. A prefeitura, obviamente, não admite isso e nem vai admitir por ora, mas os vários trechos parados e obras que ainda nem foram iniciadas mostram que tudo não estará pronto nem até o final do ano.

O levantamento foi feito há cerca de duas semanas. Caso tenha ocorrido alguma alteração ou alguma obra tenha sido retomada ou iniciada, pedimos desculpas e por favor, nos informe nos comentários.

Os seguintes trechos estão com atraso, paralisação ou sequer foram iniciados:

AVENIDA JOHN BOYD DUNLOP / CORREDOR CAMPO GRANDE
OBRAS LENTAS OU PARALISADAS
– Passagem em desnível na frente do Enxuto
– Ponte no Jardim Rossin
– Conexão entre o trecho pronto do Florence e a subida da V8
– Acesso à Via Perimetral
– Vias marginais (Grande parte)

OBRAS NÃO INICIADAS
– Trecho do Shopping Bandeiras
– Ponte sobre a Rodovia dos Bandeirantes
– Trecho central da ponte da Vila Aurocan
– Cruzamento com a Avenida Transamazônica
– Trecho sob a Rodovia Anhanguera
– Novo Terminal Campo Grande
– Trecho do Jardim Santa Rosa

AVENIDA DAS AMOREIRAS / CORREDOR AMOREIRAS
OBRAS LENTAS OU PARALISADAS
– Ponte do Jardim Capivari
– Trecho da Cerâmica / Faculdade Anhanguera
– Novo Terminal Ouro Verde
– Terminal de Integração Novo Campos Elíseos
– Trechos da Rua Cosmópolis / Rua Bragança Paulista
– Finalização da Av. Camucim
– Vias Marginais (Grande parte)

OBRAS NÃO INICIADAS
– Trecho sob a Rodovia Anhanguera
– Cruzamento com a Av. Faria Lima
– Conexão com a Av. João Jorge
– Adaptação do Terminal Central
– Trecho sobre o Viaduto Cury
– Conexão Rua Piracicaba / Av. Ruy Rodriguez
– Pequeno trecho próximo ao Terminal Ouro Verde

VIA PERIMETRAL DE INTERLIGAÇÃO
OBRAS LENTAS OU PARALISADAS
– Ligação Jardim Miranda / Cidade Jardim (inclusive já inaugurada sem estar pronta)
– Acabamento lateral em todo o viário

OBRAS NÃO INICIADAS
– Ponte da Vila Pompéia, atrás do Pague Menos

Tudo isso deve estar pronto em menos de 170 dias. Agora, é só saber o que a prefeitura vai falar a respeito disso, pois enquanto há vários trechos parados ou sequer iniciados, há “inaugurações” de poucos metros de vias sem qualquer benefício à população. Ninguém tem dúvidas de que a obra é benéfica para a população, mas desde que seja concluída.

Da Redação ODC.