Estacionamento do Mercadão é fechado para início de obras


Por conta das intervenções necessárias para as obras que serão realizadas no Mercadão, o estacionamento do local ficará fechado a partir desta quarta-feira, 26 de abril. Onde hoje os carros ficam estacionados, serão instaladas tendas e um galpão para a transferência dos permissionários.

“Essa já é uma primeira fase das obras do Mercadão. O galpão e as tendas serão usadas pelos permissionários para a venda dos seus produtos. É uma intervenção grande, mas importante para o início dos trabalhos no prédio do Mercado”, disse o presidente da Setec, Enquire Lerena.

As tendas serão instaladas dos dois lados do Mercadão. No estacionamento de baixo, que tem uma área maior, também será construído um galpão de 25m x 60m. Tanto as tendas quanto o galpão terão piso nivelado e climatização. Os banheiros também funcionarão na área externa, em dois contêineres, um com sanitários femininos e um com masculinos.

Após a conclusão da instalação das tendas e do galpão, os permissionários terão cerca de 15 dias para se mudar para as novas instalações.

Obras

As obras contemplam a reforma física, com a substituição total da fiação elétrica, nova canalização de esgoto, revitalização da fachada e construção de um mezanino sobre os boxes, na parte central do mercado. Também compreendem a instalação de iluminação especial no interior e na área externa do Mercadão.

A reforma do Mercadão é uma das ações da Administração Municipal para a revitalização do Centro.

A história

Projetado pelo arquiteto Ramos de Azevedo, o Mercado Municipal foi inaugurado em 1908 pelo prefeito Orosimbo Maia. O edifício de arquitetura mourisca foi construído inicialmente para servir como armazém de estocagem dos produtos transportados pela ferrovia Funilense.

Foi tombado em 1983 pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Artístico, Arquitetônico e Turístico do Estado de São Paulo (Condephaat) e, em 1995, pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Artístico e Cultural de Campinas (Condepacc).

O Mercadão é uma das “7 Maravilhas” de Campinas, além de ser o mais antigo centro de compras da cidade. Por um longo período, foi o local de encontro da elite artística e intelectual de Campinas. Numa área de 7.720 metros quadrados, o centenário mercado resiste aos avanços tecnológicos e mantém a singularidade no atendimento e comercialização de produtos peculiares que continuam atraindo a clientela.

Administrado pela Serviços Técnicos Gerais (Setec), autarquia municipal, possui 143 boxes, sendo 98 no prédio central e 45 bancas externas. O Mercadão alia o tradicional e o moderno e oferta aos consumidores grande variedade de lojas e produtos: peixarias, pastelaria, açougues, lanchonetes, lotérica, hortifrutis, doces, tabacaria, artigos religiosos, especiarias, ingredientes para feijoadas, comidas regionais, peças para conserto de fogões, entre outros.

As informações são da Prefeitura de Campinas.
Leia também:
Infraestrutura diz que Terminal Campos Elíseos está pronto

Conteúdo relacionado

Busque

Linhas de Campinas

Linhas de Paulínia

Linhas de Hortolândia

Linhas de Sumaré