Fumec fará força-tarefa para identificar analfabetos e oferecer cursos


A Fundação para a Educação Comunitária (Fumec), pela Companhia de Habitação Popular de Campinas (Cohab), pela Secretaria Municipal de Assistência Social, Pessoa com Deficiência e Direitos Humanos e pela Secretaria Municipal de Educação, por meio do Centro Municipal de Educação de Jovens e Adultos (Cemefeja), farão uma força-tarefa para identificar pessoas analfabetas ou semianalfabetas entre a população da região do Parque São Quirino e da Vila Nogueira.

O objetivo da força-tarefa é oferecer cursos de alfabetização e de conclusão do ensino fundamental, seguindo com a ideia de acabar com o analfabetismo na cidade.

As famílias beneficiadas com a regularização fundiária na região serão contactadas por meio da Secretaria de Assistência Social, por meio de informações do Cadastro Único.

Quem for beneficiado vai ter acesso aos cursos de alfabetização (EJA Anos Iniciais) da Fumec e de EJA Anos Finais do Ensino Fundamental, oferecidos pela Secretaria Municipal de Educação.

Já quem tiver interesse em cursos de qualificação profissional poderão fazer suas matrículas nos cursos do Ceprocamp ou em outros programas da Fumec. As ações vão até o dia 30 de abril.

O CRAS Anhumas receberá no mesmo dia uma mobilização especial a respeito do assunto. Caso haja demanda e interesse, uma turma de EJA Anos Iniciais poderá ser instalada no local.

Da Redação ODC.
Leia também:
Artigo: apelidos no trabalho são brincadeiras inocentes ou bullying?

Conteúdo relacionado

Busque

Linhas de Campinas

Linhas de Paulínia

Linhas de Hortolândia

Linhas de Sumaré