Menino junta dinheiro para comprar celular, leva golpe e acha golpista passeando em shopping

     Menino junta dinheiro para comprar celular, leva golpe e acha golpista passeando em shopping

    Um menino de 11 anos de idade juntou dinheiro para fazer a compra de um telefone celular, modelo iPhone, mas acabou sendo vítima de um golpe em um anúncio do site OLX.

    João Pedro Martins chegou a vender rifas e bombons para poder juntar os R$ 900 reais do celular. Quando atingiu o valor, fechou negócio com um rapaz pela internet, porém ele não sabia que se tratava de um golpe.

    Quando ele recebeu a encomenda, notou que o celular estava completamente oco, ou seja, o golpista vendeu apenas uma carcaça. A história foi divulgada pelas redes sociais e uma empresária se sensibilizou com a história.


    Ela comprou o celular para João Pedro e combinou encontrar em um shopping de Campo Grande, no Mato Grosso do Sul, onde moram, para fazer a entrega. Na hora do encontro, o menino viu o golpista em meio à multidão e começou uma perseguição.

    “O anúncio mostrava o celular com tudo: caixinha, fone de ouvido, carregador e até a nota fiscal. Mas ele chegou aqui com o aparelho na mão e mais um carregador. Eu peguei também, falei que estava muito leve, quando ele [golpista] disse: ‘Mas, você já teve iPhone? Porque é assim mesmo, é leve’. Nisso ele começou a encostar no ombro do meu filho, dizer que tinha que receber e ir embora logo, e João Pedro deu o dinheiro”, disse a mãe do menino.

    No encontro do shopping, a empresária fez o relato do que aconteceu: “Eles chegaram um pouco mais cedo e eu tive um imprevisto com um cliente, então, fui ligar para a mãe dele para avisar que me atrasaria um pouco. Nisso, ela ligou gritando, dizendo que o filho dela viu o ladrão no shopping e que estavam correndo atrás dele. Não dá nem para acreditar, mas é exatamente isso que aconteceu”.

    “Eu parei o carro e perguntei para um senhor o que tinha acontecido. Ele me disse que pegaram um ladrão que tinha roubado um celular de um menino e, como ele saiu correndo no meio da rua e gritando, um homem freou para ajudá-lo e outro bateu atrás. Foi neste momento que eu conheci o João Pedro e a família dele, com o ladrão rendido por pessoas ali”, completou a empresária.

    “A viatura estava demorando demais para chegar, até que falamos lá várias vezes e eles vieram. O ladrão foi para delegacia, devolveu o dinheiro porque tinha acabado de aplicar outro golpe, e a polícia falou que ele estava fazendo várias vítimas, do mesmo jeito. E foi ali naquele ambiente que eu dei o celular para o João Pedro”, finalizou a empresária.

    A empresária e o menino combinaram um outro dia com mais calma para passearem no shopping, o que aconteceu na quarta-feira, dia 06/01: “Eu fico relembrando tudo e falo que foi um milagre. Ela foi usada por Deus para chegar até nós e acharmos o golpista. Meu filho agora está super feliz e também acredito que todos nós aprendemos uma lição”, disse a mãe de João.

    Da Redação ODC.
    Fonte: G1
    Leia também: Instituto Butantan divulga taxa de eficácia da vacina CoronaVac: 78%

    Outras notícias