Motoboys fazem protesto pacífico em frente a condomínio onde jovem foi humilhado

 Motoboys fazem protesto pacífico em frente a condomínio onde jovem foi humilhado

Um grupo de motoboys fez um protesto na frente do condomínio onde mora o homem que humilhou um entregador via aplicativo no final do mês passado e que teve o vídeo divulgado na sexta-feira, dia 07/08.

Reunidos em um posto de combustíveis na Avenida Francisco de Paula Souza, cerca de 100 entregadores se organizaram e seguiram para o residencial.

Um dos manifestantes afirmou: “Nós motoboys somos vistos como arruaceiros e baderneiros, mas não é essa nossa função. Estamos pra ajudar e servir a população, ainda mais neste tempo de pandemia. Queremos e estamos somente cumprindo nosso trabalho, nada mais”.


A manifestação, que durou cerca de meia hora, foi pacífica. Houve um buzinasso na frente do condomínio para chamar a atenção sobre os problemas envolvendo clientes e os motoboys.

O caso do entregador humilhado ganhou as redes sociais e teve uma repercussão a nível nacional. “Eu falei pra ele que ele não podia fazer mais isso porque ninguém gostava desse tipo de atitude. O que ele faz é pra se mostrar superior as pessoas. Teve um momento que ele cuspiu em mim, jogou a nota no chão e disse que eu era lixo. Na frente da polícia, ele continuou com as agressões, me chamou de favelado”, disse ele.

A única manifestação da família do rapaz até o presente momento é um suposto exame médico que indica a condição de esquizofrenia do agressor, o que não foi anexado ao boletim de ocorrência do caso.

Da Redação ODC.
Fonte: G1
Leia também: Confira novos horários dos shoppings a partir de hoje, 08/08 em Campinas

Outras notícias