Museu da Imagem e do Som de Campinas retoma sua tradicional programação especial de Janeiro

·

·

·

Tags:

Depois de dois anos impedido pela pandemia o Museu da Imagem e do Som (MIS) de Campinas retoma a sua já tradicional programação especial de janeiro, a partir desta terça-feira, dia 10. Foram selecionados 21 filmes (veja abaixo), de animações para o público infantil a produções premiadas nos mais importantes festivais de cinema do mundo como Cannes e Veneza, passando por vencedores da estatueta do Oscar.

O MIS Campinas fica na rua Regente Feijó, 859, no Centro de Campinas. Todas as sessões serão realizadas na Sala Glauber Rocha do MIS, que tem ar condicionado, poltronas e capacidade para 72 pessoas.

A pandemia não acabou e o vírus da covid-19 continua circulando, por isso, a direção do MIS Campinas ainda recomenda o uso de máscaras e que o esquema vacinal contra a doença siga atualizado.

A entrada é franca, mas haverá retirada de ingressos com meia-hora de antecedência. A intenção dos organizadores é ser pontual, por isso pede ao público que não se atrase. Atenção redobrada, portanto, para os horários de cada filme.

A seleção de filmes é de Ricardo Pereira e a curadoria de Claudia Bortolato, Andreia Reis e Ricardo Pereira.

Confira abaixo a programação da primeira semana de exibição do MIS (10 a 15 de janeiro):

Semana I

Terça, 10/01 – ENCANTO (2021) – 14h – Livre
Direção de Byron Howard e Jared Bush
EUA, Colorido, 109 min, Dublado
Uma menina colombiana pode ser a última esperança de sua família quando descobre que a magia que envolve o Encanto, um lugar que abençoa crianças com dons únicos, está em perigo.

Quarta, 11/01 – ADORÁVEIS MULHERES (2019) – 15h – 12 anos
Direção de Greta Gerwig
EUA, Colorido, 135 min, Legendado
Por volta de 1860, época da Guerra Civil, a família March enfrenta dificuldades, já que seu patriarca foi lutar no front. Mas nada abala a união entre a mãe, Marmee, e as quatro irmãs, Meg, Jo, Beth e Amy. Jo, que quer ser escritora, resiste à ideia do casamento obrigatório para toda mulher. Com Saoirse Ronan, Florence Pugh, Timothée Chalamet e Emma Watson.

Quinta, 12/01 – DRUK – MAIS UMA RODADA(2020) – 19h30 – 16 anos
Direção de Thomas Vinterberg
Dinamarca, colorido, 117 min, Legendado
Desiludidos com a rotina de sua vida pessoal e profissional, um grupo de professores decidem se manter constantemente embriagados, seguindo a inusitada teoria de um filósofo. Com Mads Mikkelsen, Maria Bonnevie, Thomas Bo Larsen, Magnus Millang e Lars Ranthe.

Sexta, 13/01 – RETRATO DE UMA JOVEM EM CHAMAS (2019) – 19h30 – 16 anos
Direção de Céline Sciamma
França, Colorido, 121 min, legendado.
Na Bretanha de 1770, uma condessa contrata uma pintora, Marianne, para que pinte o retrato de sua filha, Heloise, prometida em casamento a um nobre de Milão. Outros já tentaram, mas a moça recusa a posar, porque rejeita o casamento. Neste contexto, Marianne e Heloise se envolvem. Com Adéle Haenel, Noémie Merlant, Luàna Bajrami e Valeria Golino.

Sábado, 14/01 – A ARTE DA AUTODEFESA (2019) – 16h – 14 anos
Direção de Riley Stearns
EUA, Colorido, 104 min, Legendado
Depois se ser atacado na rua por uma gangue de motoqueiros, o tímido contador Casey entra para uma academia de caratê a fim de aprender a se proteger. Com Jesse Eisenberg e Imogen Poots.

Sábado, 14/01 – NUNCA, RARAMENTE, ÀS VEZES, SEMPRE (2020) – 19h30 – 16 anos
Direção de Eliza Hittman
EUA, Colorido, 101 min, Legendado
Uma adolescente de um pequeno condado rural da Pensilvânia descobre estar grávida e procura assistência médica em Nova York, com a ajuda da prima. Com Talia Ryder e Sidney Flanigan.

Domingo, 15/01 – 1917 (2019) – 16h – 16 anos
Direção de Sam Mendes
EUA, Colorido, 119 min, Legendado
No meio das trincheiras enlameadas da I Guerra, dois soldados, Blake e Schofield, recebem de seu general uma missão quase impossível: atravessar a pé quilômetros cruzando território inimigo para entregar uma mensagem urgente a um batalhão e impedir que caia numa armadilha. Com George McKay, Dean-Charles Chapman e Benedict Cumberbatch.

As informações são da Prefeitura de Campinas.
Leia também:
Pesquisa indica aumento de 10% no consumo de suplementos alimentares