Nova empresa de ônibus de Paulínia inicia operação com ônibus velhos e letreiros do Rio de Janeiro

·

·

·

Tags:

A cidade de Paulínia ganhou uma nova empresa de ônibus de transporte coletivo urbano, depois de mais de duas décadas de serviços prestados pela Viação Passaredo. Quem começou a rodar neste último sábado, dia 11/01, foi uma tal de Terra Auto Viação, que ninguém sabe de onde veio e nem quem é o dono, em um negócio completamente obscuro feito pelo prefeito Du Cazellato.

A Terra Auto Viação é uma empresa tão amadora que começou a operar sem os itinerários eletrônicos devidamente programados. Os ônibus que circularam estavam apenas com um papel na frente com o número da linha de Paulínia, porém o letreiro programado era de bairros do Rio de Janeiro, já que os ônibus, todos usados, vieram de lá. Parte deles são equipados com ar condicionado.

De acordo com a prefeitura local, está sendo feita a fiscalização da nova empresa para verificar se ela vai cumprir com o que prometeu. O contrato é emergencial por 180 dias e deve gerar economia de R$ 1.900.000,00 aos cofres públicos, já que o custo da tarifa para o poder público cai de R$ 1,85 para R$ 1,45 por passagem.

O estranho disso é que foi autorizado à nova empresa que opere com veículos velhos, com até 8 anos de uso, ou seja, ela pode trazer veículos velhos do ano de 2012 para rodar na cidade, desde que 25% deles tenham ar condicionado. A idade da frota da Passaredo, apesar de não ser tão baixa, era bem menor que 8 anos. A Terra Auto Viação foi notificada para regularizar a situação.

A questão geral é que a empresa assinou um contrato com a prefeitura sem ter ônibus para operar, ou seja, assim que soube que tinha ganho o contrato, foi até o Rio de Janeiro e trouxe os ônibus às pressas, sem tempo até de programar o itinerário. Um negócio muito amador tanto por parte da empresa quanto pela prefeitura.

Da Redação ODC.