Precisa pegar ônibus? Consulte aqui!

Pesquise por prefixo

    Pesquise por ponto de interesse

      Procon de Campinas divulga pesquisa com preços de brinquedos

      ·

      ·

      ·

      Tags:

      O Procon Campinas divulgou nesta terça-feira, 10 de outubro, a pesquisa de preços de brinquedos para o Dia das Crianças de 2023. A coleta foi realizada entre os dias 25 e 29 de setembro em cinco empresas do comércio eletrônico. Foram coletados os preços de 102 produtos, considerando o menor preço à vista, sem adição de frete, descontos ou outras despesas. A maior diferença encontrada é a do boneco articulado de 30 cm do Homem Aranha que chega a custar 161,75% mais caro entre uma loja virtual e outra.

      Em segundo lugar, entre maiores variações de preços, estão o Jogo de Cartas Uno, com 157,53% de diferença; seguido pela Maleta Doutor & Cia (137,27%), Jogo Puxa Batatinha (131,62%), Caminhão Bombeiro (119,18%) e Boneca Articulada da Barbie Festa de Confetti (114,93%). A lista dos brinquedos com maior diferença de preços também traz a Boneca Articulada com acessório Love and Thunder da Mighty Thor (104,54%), Laboratório Manual do Mundo 85 Experiências (100,83%), Barbie Color Reveal Boneca Série de Frutas Doces (100,19%) e Quebra Cabeça Frozen (100%).

      Com relação aos menores e maiores preços, o Procon Campinas trouxe também um quadro com os dez mais caros e dez mais baratos para ajudar os consumidores. Os brinquedos mais baratos são os jogos de cartas. No período pesquisado, o Uno liderou essa lista custando R$ 8,50. Na sequência, vem o Jogo do Mico por R$ 16,40, o Jogo Super Trunfo das Princesas R$ 19,90 e a Maleta Doutor e Cia (R$ 19,99). No top dos menores preços também estão quebra-cabeças, carrinho trator e kit de dinossauros. Na análise feita, é possível ver ainda os preços médios desses produtos.

      Por outro lado, o ranking dos maiores preços traz produtos para as crianças passearem. A bicicleta Aro 12″ Peppa Pig Rosa custa R$ 599,99. O triciclo Motoca Fantasy tem o mesmo preço (R$ 599,99), seguidos pelo quadriciclo multicor (R$ 596,39), Triciclo Velobaby Passeio Pedal (R$ 494) e a Bicicleta Infantil Aro 12 Spider Man (R$ 422,90). Patins e patinetes estão nesta classificação. Fora do grupo de mobilidade, estão no ranking dos dez mais caros, uma boneca da Barbie e um jogo de lego.

      A pesquisa manteve os preços de produtos com, no mínimo, três amostras coletadas. Além de trazer brinquedos tradicionais, o Procon buscou elencar itens que incentivam a criatividade da criança, a realização de atividades em grupo e ao ar livre.

      Confira a pesquisa completa no site do Procon Campinas: https://procon.campinas.sp.gov.br/pesquisas.

      Dicas para consumidores

      Pesquisar preços, com atenção para o preço total do produto (incluindo frete e taxas extras como a de parcelamento, por exemplo) é uma das dicas do Procon Campinas para quem quer encontrar os melhores preços para os presentes de Dia das Crianças.

      É melhor não levar os pequenos às compras, mesmo que eles achem essa ideia muito legal. A criança pode acabar gostando muito de um brinquedo muito caro. E os pais ao não resistirem aos apelos infantis, acabam extrapolando o orçamento. Se não tiver jeito mesmo, vale conversar bastante com a criança antes de sair de casa, deixar claro qual é o limite de gastos e “resistir bravamente”. Afinal, se fizer alguma dívida para agradar a criança, pode acabar faltando para pagar alguma despesa mais urgente.

      O Procon Campinas também alerta para alguns pontos que não podem ser perdidos de vista: os brinquedos devem ser comprados de acordo com a faixa etária recomendada; devem ter selo de segurança do Inmetro e informações claras sobre riscos, instruções de uso e peças pelos quais é composto.

      Se for comprar pela internet, vale lembrar que existe o direito de arrependimento. O produto pode ser devolvido em até sete dias, sem nenhuma justificativa. Ou seja, se o filho ou filha queria o brinquedo do Super Homem e não do Homem Aranha. Dá para desistir da compra e adquirir outro. No caso de troca, é preciso ver a política da loja, já que isso varia de acordo com a vontade do estabelecimento. Não é obrigatório fazer a troca de um produto porque a criança não gostou da cor e quer outra, por exemplo.

      Para ajudar a despertar a socialização e a criatividade, considere investir em produtos mais educativos, além de estimular hábitos de leitura, de práticas de atividades físicas e de brincadeiras ao ar livre. Para incentivar a solidariedade, as crianças também podem ser ensinadas a doar um brinquedo antigo toda vez que ganhar um novo.

      Junto com a equipe do Plano Municipal pela Primeira Infância Campineira (PIC), o Procon também preparou uma cartilha sobre dicas de consumo consciente e orientações para o Dia das Crianças. Confira neste link: https://procon.campinas.sp.gov.br/informativo-e-pesquisa-dia-crian

      O PIC (https://pic.campinas.sp.gov.br/) é responsável por apontar quais políticas são importantes para que a criança possa ter um desenvolvimento pleno e uma infância saudável garantida. O município faz parte da rede internacional pela primeira infância Urban95 e aderiu também ao Pacto Nacional pela Primeira Infância do Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

      Neste link (https://portal.campinas.sp.gov.br/noticia/50392) é possível conferir ainda as orientações do PIC e do Procon sobre aplicativos e uso da internet por crianças.

      As informações são da Prefeitura de Campinas.
      Leia também:
      Confira o que abre e o que fecha no feriado de N. S. Aparecida em Campinas

      [adinserter block=”4″]


      [adinserter block=”5″]