UPA Carlos Lourenço em Campinas passa a atender pediatria

·

·

·

Tags:

A UPA Carlos Lourenço passará a atender crianças a partir da 7h desta quarta-feira, 10 de janeiro. Desde que foi inaugurada em 2019, a unidade atendeu exclusivamente adultos, e agora funcionará 24 horas também para as urgências e emergências pediátricas de natureza clínica, e para o primeiro atendimento nos casos de natureza cirúrgica e trauma.

A unidade terá três pediatras no período diurno e dois no noturno, diariamente, para atender livre demanda da população e acolher pacientes levados pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU).

A UPA é referência pré-hospitalar, junto com a UPA São José, para a região sul de Campinas, com uma população estimada em 260 mil habitantes. A média de atendimentos é de 210 pacientes adultos e a estimativa é que 60 atendimentos pediátricos sejam realizados por dia.

Com a implantação do atendimento a crianças na Carlos Lourenço, a Rede Mário Gatti de Urgência, Emergência e Hospitalar passa a contar com pediatria nas quatro unidades de pronto atendimento.

Isso foi possível com o novo modelo assistencial implantado nas demais UPAs, que têm profissionais de saúde alocados por entidade contratada pela Rede Mário Gatti. Isso permitiu a adequação dos recursos humanos e o remanejamento de profissionais para a UPA Carlos Lourenço.

Esta adequação permite a habilitação a UPA junto ao Ministério da Saúde, a exemplo das outras, que além de um selo de qualidade, garante o repasse de R$ 3,6 milhões anuais para o custeio. O processo de habilitação já foi iniciado junto ao ministério.

A pediatria é uma reivindicação da população daquela região, que precisou ser postergada em função da pandemia de covid-19, quando a unidade foi convertida em hospital de campanha por três vezes. Essa conversão permitiu ampliar a oferta de leitos para a internação de pacientes com síndromes respiratórias agudas graves.

As informações são da Prefeitura de Campinas.
Leia também:
Atividades para aproveitar no início de ano