UPA do Carlos Lourenço volta a atender normalmente a partir desta quarta-feira, dia 01/02

·

·

·

Tags:

A Rede Mário Gatti de Urgência, Emergência e Hospitalar desativa nesta terça-feira, 31 de janeiro, o hospital de campanha para internação de pacientes com covid-19 instalado na Unidade de Pronto Atendimento Carlos Lourenço (UPA). A unidade retomará nesta quarta, às 7h, o atendimento às urgências e emergências clínicas por livre demanda da população e a acolher pacientes levados pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU).

Os 23 leitos da unidade foram bloqueados nesta terça-feira para internação de novos pacientes suspeitos ou confirmados com covid. A UPA está com seis pacientes internados e já foram solicitadas vagas à Central Municipal de Regulação, para transferência a unidades hospitalares.

Assim, a partir dessa quarta-feira, a unidade retoma o funcionamento 24h para as urgências e emergências de natureza clínica e para o primeiro atendimento aos casos de natureza cirúrgica e trauma. O atendimento é feito com base na classificação de risco, que prioriza os casos mais graves e com maiores riscos de agravamento.

A UPA tem 18 leitos de observação, dois de isolamento e três de emergência e é referência pré-hospitalar, junto com a UPA São José, para a região sul de Campinas, com uma população estimada em 260 mil habitantes. A média diária de consultas realizadas na unidade, antes de ser convertida em hospital de campanha no final de novembro, era de 210 pacientes.

As informações são da Prefeitura de Campinas.
Leia também:
Como é o processo de aquisição de bolsas de estudos nos EUA?