Vereador que não anda de ônibus quer película nos veículos, que já possuem fotoprotetor anti-sol

 Vereador que não anda de ônibus quer película nos veículos, que já possuem fotoprotetor anti-sol

Os projetos de lei protocolados pelos vereadores campineiros mostram que nossos parlamentares são cada vez mais despreparados para o cargo e que sequer conhecem a própria cidade.

O vereador Rodrigo da Farmadic protocolou um projeto de lei que obriga as empresas de ônibus a aplicarem película escura nos vidros para proteger da luz solar. Caso aprovada, as empresas e cooperativas terão 90 dias, a partir da publicação no Diário Oficial, para colocar a película em mais de 1200 ônibus.

O que o vereador não sabe é que os ônibus não só de Campinas mas praticamente todos que saem de fábrica são “verdes”, ou seja, já possuem escurecimento natural para proteção contra os raios solares. O uso de vidros verdes nos ônibus de Campinas já acontece há mais de dez anos.


A lei é tão descabida que a aplicação da película escura iria trazer insegurança para os passageiros, já que facilitaria a violência dentro dos coletivos já que bandidos sentiriam-se “protegidos” pela escuridão dos vidros. Nem carros podem usar películas tão escuras, porque ônibus teriam que usar?

Da Redação ODC.

Outras notícias